Resenha de "Uma Canção pra você", série Meus 15 anos #3

Na Porta ao Lado foi um dos melhores livros infantojuvenis que já li, e com Uma Canção pra Você, Luiza Trigo trouxe algo ainda mais incrível e me conquistou novamente.
"Entrei de mansinho, com o violão nas costas, e o vi deitado na cama, virado para a janela. Achei que estivesse dormindo, mas fui surpreendida com ele se virando para ver quem era a visita. Aquele simples gesto já me despertou milhares de sentimentos, e comecei a chorar quando nossos olhares se cruzaram. Ele não disse nada, só abriu os braços, e eu corri até ele."
Chateada e abalada com a saúde frágil do avô e o fim de um relacionamento complicado, Amanda decide passar o Natal em Curitiba, na casa do pai. Longe do ex-namorado que lhe traz lembranças ruins e sentimentos controversos, ela tenta aproveitar ao máximo o tempo com seu vô doente, seu pai e sua família.

Quando seu primo Vinícius a convida para participar de um concurso de bandas, Amanda fica apreensiva por ter medo de cantar em público, mas topa ajudá-lo. Os ensaios e a reaproximação com a música, sua antiga paixão, a deixam mais animada em superar o término, a insistência do ex e a dor em ver o avô mal.

Entre tantos conflitos internos e externos, ela contará com a ajuda das melhores amigas, que estão no Rio mas mandam mensagens diariamente, para enfrentar essa situação duplamente ruim e tentará abrir mais uma vez seu coração. Seu lema do momento é viver um dia de cada vez e aproveitar todos eles, mas será que é tão fácil na prática quanto na teoria?
"Minha respiração estava acelerada, achei que fosse chorar, mas em vez disso comecei a rir. Cantar ali com eles foi a sensação mais incrível da minha vida. Apesar de saber que seria muito mais difícil fazer isso para mais pessoas, fiquei muito orgulhosa por ter enfrentado o medo naquele momento."
De modo claro e jovial, Uma Canção pra Você fala de relacionamentos tóxicos, recomeços, desilusões, família, lembranças e medos. Intercalando momentos de doçura e tensão, a autora soube dar o tom certo para cada um deles, deixando o leitor ávido para descobrir se dará tudo certo e causando vários sentimentos durante a leitura - de empatia e amor até raiva e tristeza.

Por tratar de temas atuais e corriqueiros, com uma linguagem bem convidativa aos jovens, a história mostra situações com que as pessoas podem se identificar ou reconhecer, nos fazendo refletir sobre a quantidade de mulheres que vivem relacionamentos abusivos, seja físico ou emocional. O ponto alto foi mostrar que certas atitudes, muitas vezes confundidas como "amor, carinho e preocupação",  são de fato abusivas/horríveis e não fazem bem.

Quanto à família, sugiro que separe um lencinho, pois a relação da Amanda com o avô é tocante, bonita e repleta de boas lembranças e aprendizados. Cada cena do seu núcleo familiar foi descrita com delicadeza e riqueza em detalhes, o que tornou possível sentirmos o que os personagens sentiram ao ver a pessoa que amam doente - de longe, é uma das piores coisas da vida.

Conforme a narrativa se desenvolve, a protagonista cresce, enfrenta e supera os momentos ruins e as recaídas, com o apoio de familiares e amigos, percebendo que há luz no fim do túnel. Durante a estadia na casa do pai, ela se reencontra, e isso foi um dos aspectos mais bacanas, pois mostra que é possível resgatar antigas paixões, achar novas e realizar seus sonhos. Assim como a personagem principal, as outras foram bem construídas e tiveram um papel importante na história, tornando-a mais divertida, leve, crível, fofa e repleta de esperança ou então revoltante, dura e angustiante.

A diagramação é igual a dos livros anteriores, com algumas ilustrações, e tem também uma playlist com as canções mencionadas na história - o mais legal é que a autora combinou as músicas com a situação que seria mostrada em cada capítulo, ou seja, vocês podem ler ouvindo trilha sonora. Além disso, a revisão ficou muito boa, e não é necessário ler os livros na ordem. 

Por fim, um recado para as meninas, em especial: vocês são maravilhosas, se libertem de tudo o que não faça bem, inclusive pessoas.
  • Escrito por Luiza Trigo.
  • Editora Rocco Jovens Leitores.
  • 206 páginas.
  • Leiam também: Meus 15 anos e Na Porta ao Lado.
  • Disponível em todas as livrarias.
  • Participe do sorteio, também vem com um marcador de página do livro.
  • Recomendo! 
*Exemplar para resenha.

17 comentários:

  1. Olá!
    Que coisa mais fofa esse livro, não conhecia, gostei bastante da história assim como da capa tbm, parece ser uma leitura divertida, vai pra minha lista.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Gosto bastante desses livros para jovens que trazem muitos aprendizados, é uma forma leve de encarar os problemas e saber que para tudo existe uma solução.
    Achei a capa bem fofa e bem convidativa

    ResponderExcluir
  3. Já ouvi vários elogios a Luiza Trigo. Gosto de livros juvenis, são leves, divertidos e fofos, mas tem tempo que não leio nenhum. Apesar de ser um livro juvenil gostei de saber que ele aborda temas sérios como o relacionamentos abusivos. Acho que é importante que os jovens, talvez principalmente as meninas consigam desde cedo perceber a diferença entre carinho, amor e preocupação ao abuso, que é algo bem diferente. Imagino que essa relação dela com o avô seja algo bem marcante na história, já que apenas na resenha já fiquei imaginando que se algo ruim acontece eu provavelmente vou ficar triste durante a leitura. O livro ainda é bem curtinho, apenas 206 páginas e eu imagino que de pra ler rapidinho. Adorei a indicação, acho a capa bem fofa, gosto dessas ilustrações.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Ainda não li Meus 15 anos e Na Porta ao Lado, curto muito livros infantojuvenis, cada resenha que vejo dos livro da Luiza Trigo me deixa ainda mais curiosa em conferi isso tudo que dizem.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Rafa ;)
    Sempre me interessei em ler os livros da Luiza Trigo, e esse parece ser super interessante!
    Adoro essas leituras jovens, leves e despretensiosas, e que ao mesmo tempo falam sobre temas que acontecem ou podem acontecer com todos nós. Adorei a resenha, me deixou com muita vontade de comprar o livro agora e começar a ler a história da Amanda!
    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Que lindo. Eu já li um livro da autora a muito tempo atrás e lembro que amei. Gostei muito da resenha, pro ser um livro pra jovens e trazer temas tão fortes e de superação, assim como momentos felizes, acho que é uma maravilha pra ler e desestressar ou até pra dar de presente aquela priminha fofa.

    ResponderExcluir
  7. Rafa!
    Por ser um livro mais adolescente, com toda certeza a autora deve ter um grande número de leitores, ainda mais por ser uma hist´roia tão crível e correiqueira na vida dos adolescente.
    Nunca li nenhum livro da autora.
    Desejo um mês mais que abençoado, carregadinho de luz e paz e um final de semana esplendoroso!
    “Acredite, existem pessoas que não procuram beleza, mas sim coração.” (Cazuza)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  8. Ainda não li nada da Luiza porque são livros voltados para o público infantojuvenil e sempre achei que não me agradariam mas, fiquei curiosa por este, parece realmente lindo.

    ResponderExcluir
  9. Olá, ainda não tive oportunidade de ler nada da Luiza Trigo, mas como gosto muito de livros infantojuvenis justamento por ter temas atuais e corriqueiros e com uma linguagem de fácil entendimento,tenho certeza que vou curtir bastante!!!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Rafa!
    Confesso que não costumo ler livros infantojuvenis, não curto histórias sobre dramas adolescentes, mas pelos seus comentários Uma Canção pra você passa longe disso, né?! O que eu achei interessante, principalmente os temas abordado no livro, reracionamento abusivo entre eles...
    Gosto de livros com ilustrações e de playlist, apesar de não gostar de ouvir música enquanto leio... Enfim, valeu pela dica, já anotei na minha lista de leitura, e é claro que irei participar do sorteio.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  11. Acho maravilhoso cada vez mais livros tocarem no assunto sobre relacionamentos abusivos. Identificá-los desde cedo.

    ResponderExcluir
  12. Sou apaixonada pela Luiza e esse é o único livro que não tive a oportunidade de ler, eu amo as histórias dela e como se desenvolve no decorrer do livro. O tema que esse livro conta é algo que muitas adolescentes passam hoje em dia, e foi bom a Luiza ter abordado este tema.

    ResponderExcluir
  13. Oi, adorei o seu blog. Sou autora do livro Fada dos lobos. Como faço para que meu livro seja divulgado no seu blog? Abraços

    ResponderExcluir
  14. Oi!!
    Não conhecia o livro, mas achei o máximo. Acho muito legal quando livros tratam de problemas diários com uma linguagem simples. É super importante para incentivar os jovens a lerem mais. Vou separar meu lenço e ler o livro assim que possível (risos).
    Beijos!
    Nerd Fox

    ResponderExcluir
  15. Adoro livro infantil, eu não conhecia a autora Luiza, terei a oportunidade de ler em breve.

    ResponderExcluir
  16. Gosto de livros que nos fazem sair da rotina!! O personagem faz com que os leitores reflitam sobre coisas do dia a dia com um olhar questionador!! Fiquei com muita vontade de ler o livro!!

    ResponderExcluir
  17. olá esse livro deve ser muito fofo eu estou louca para ler ele amo livros assim adorei a resenha e me deu mais vontade de ler ainda

    ResponderExcluir

Hey you,
gostou do que leu, encontrou algum erro ou quer acrescentar algo?
Não deixe de comentar! =)
Sua opinião é muito importante para o blog.
Beijocas.

© 2012 - Todos os Direitos Reservados
Design por: Gabrielle Alves | Para uso exclusivo do blog Artesã Literária