Resenha de "Um Amor de Cinema"

Um Amor de Cinema é o romance de estreia de Victoria Van Tiem e reúne, com maestria, todos os elementos necessários para um ótimo chick-lit. Este livro foi indicado pela Cida, do Moonlight Books, através do projeto Tá na estante, não leu? Seu amigo escolheu!.
"Tem alguma coisa tão inocente e doce em filmes românticos. O mundo nem sempre faz sentido, mas, em uma boa comédia romântica, tenho a garantia de um final feliz. A garota sempre encontra o cara certo, aquele que realmente a entende, no nível mais básico."
Kensington Shaw, ou apenas Kenzi, é diretora de criação na Safia, "a maior agência de publicidade em Indianápolis", e trabalha com o noivo Bradley, um importante gerente de vendas. Seus pais nunca a colocaram como prioridade e preferem direcionar a atenção para Grayson (o irmão mais velho), Ren (a cunhada) e Bradley (o namorado que é considerado bom demais para ela).

Enquanto tenta digerir a primeira gravidez de sua cunhada e o fato de que seu noivado foi ofuscado por tal notícia, Kenzi se distrai com um novo projeto no trabalho - que, de acordo com seu chefe, pode custar o emprego dela. Como se a pressão na agência e a negligência da família não fossem suficientes, ela ainda recebe uma mensagem inesperada de Shane Bennett, seu ex-namorado na época da faculdade, e descobre que o mesmo é dono do Carriage House, justamente o cliente para quem precisa fazer o projeto.

Se Bradley fica enciumado e bem incomodado quando descobre que o cliente já namorou com sua noiva, Kenzi entra em pânico ao perceber que precisa entrar em harmonia com Shane para não perder o emprego. Porém, seu ex-namorado lhe faz uma proposta bem complicada: que ela viva (encene) com ele dez cenas de comédias românticas ou ele não assinará o contrato.

Apesar do dilema, Kenzi aceita a proposta e embarca no universo dos filmes românticos de uma forma bem inusitada. Todavia, ao mesmo tempo em que se diverte e vivencia a cena da troca de mensagens de Mensagem para Você, ela também se depara com segredos extremamente desagradáveis. Após tantas vivências, decepções e descobertas, Kensington terá que reconsiderar sua vida, suas decisões e as pessoas com quem convive.
"A magia do garoto que conhece a menina, a angústia da conquista e da perda, a serendipidade do que tinha de ser. Não importa se a comédia romântica segue um curso previsível; reagimos porque ela é baseada na verdade. Na magia."
Kenzi é uma narradora tão carismática, divertida, romântica e comum que a narrativa tornou-se ainda mais atrativa e acolhedora. A autora conseguiu unir sua história e as grandes comédias românticas com naturalidade e inovação; além de mesclar momentos de romantismo, tensão, surpresa, melancolia e diversão de forma equilibrada.

Mesmo que a previsibilidade e os clichês apareçam em um e outro momento, a história é bem escrita, tem charme e consegue surpreender o leitor, pois traz à tona elementos apaixonantes, que entretêm, como: bons diálogos, um ótimo desenrolar dos acontecimentos, personagens bem construídos e / ou caricaturados, etc. Em poucas palavras, é uma leitura rápida e dinâmica, que envolve por sua simplicidade, simpatia e fofura. 

Alguns personagens foram bem fáceis de decifrar, três deles eram muito encantadores e outros, difíceis de lidar. Foi impossível não sentir empatia por eles ou notar como todos agiam de maneira tão crível, excetuando uma ou outra passagem exagerada - e até mesmo surreal - que foi inserida para expressar mais comicidade. Porém, ao levarmos em consideração o gênero do livro, tais passagens tornam-se aceitáveis.

Kenzi pode ser irritante quando quer, mas ela sabe superar situações difíceis de cabeça erguida e é brilhante; Shane parece ter saído de alguma comédia romântica, mas seus defeitos estão evidentes e, por isso, ele tornou-se ainda mais adorável. Ellie é a melhor amiga e faz muito bem o seu papel; a família Shaw é controversa e só consegui vê-la com outros olhos no final. Todos acham que Bradley é um partidão, mas eu não gostei dele.

Gostei muito da capa colorida e do ótimo trabalho da editora. Porém, o aspecto mais interessante foi os nomes dos capítulos, pois retomam comédias românticas de forma bem engraçada e condizem com o desenvolvimento da história. Em suma, apesar de algumas cenas que me incomodaram por se distanciarem da realidade, a história é um poço de suspiros e momentos que qualquer pessoa romântica gostaria de vivenciar.

Os filmes da lista de Shane, intitulada "Um amor de cinema", são: Sintonia de Amor; Uma linda mulher; O diário de Bridget Jones; Vestida para casar; Dirty dancing: ritmo quente; Gatinhas e gatões; Simplesmente amor; Digam o que quiserem; Mensagem para você; O casamento do meu melhor amigo

Foi incrível participar do projeto, especialmente porque, com tantos livros de parceria ou prioritários, deixo muitos outros para ler em um futuro próximo. No fim, mais livros chegam e, às vezes, esse futuro demora um pouco mais do que o esperado. Enfim, adorei a indicação, pois é um gênero de que gosto e me diverti bastante durante a leitura - afinal, envolveu alguns dos meus filmes românticos favoritos. Aliás, já assistiram algum deles?
  • Escrito por Victoria Van Tiem.
  • Verus Editora.
  • Tradução: Débora Isidoro.
  • 293 páginas.
  • Disponível em todas as livrarias.
  • Recomendo. :)

19 comentários:

  1. Rafa, a capa de Um amor de cinema é um ótimo atrativo para o leitor. Entretanto, a sua história não é deixada para trás, mesmo com alguns clichês presentes durante a narrativa. Gostei muito da história da Kenzi, sua complicada relação com a família, o seu noivo ciumento e o seu ex com propostas inusitadas. Tenho certeza que o livro irá ser muito bom e irei gargalhar bastante.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rafa! Eu li este livro ano passado e fiquei encantada com a história, quando vi que estava parado na sua estante achei que seria uma boa escolha, apesar de ter ficado dividida entre este e um romance de época, no final fico feliz que tenha curtido a leitura. Eu após fechar o livro fiquei com vontade de ver todos os filmes. Obrigada por aceitar o convite.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Amei a capa, a sinopse, a resenha *.*
    Vou querer ler >.<

    Beijinhos :*
    Sankas Books

    ResponderExcluir
  4. Por ser um livro leve, recheado de cenas românticas, eu não me senti tão atraído quanto pensava que acharia. Como eu sou chegado mais á Suspense/Terror, dificilmente livros no estilo de Um Amor de Cinema me agrada. Porém, pude perceber que o livro é ótimo, tanto pela a escrita da autora ser incrível e por conta dos personagens, que aparentam ser cativantes!

    ResponderExcluir
  5. Li esse livro faz um tempinho e me encantei, amei mesmo.... Deu até vontade reler ao ler a resenha.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Rafaaaa!
    Eu AMO esse livro de todo coração.
    Já amo comédias românticas e amo livros, então mesclando os dois quase morro de amor, né?
    *.*
    Adoro a Kenzi e o Shane e eles viverem as cenas de tanta coisa legal.
    E nem me importo com clichês. Até gosto, dependendo de como foram elaborados.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  7. Olá Flor
    Tudo bem?
    Eu Não conhecia o Livro, mas me apaixonei de cara ^^
    Que Fofura e essa capa?
    meu deus!
    Adoro Livros de Romance e a premissa do livro me conquistou sem duvidas, adoro livros que envolvem humor <3
    a Kenzi parece ser uma personagem que eu gostaria *-*
    enfim adorei a Resenha,e espero ter a oportunidade de ler o Livro ^^
    Beijinhos
    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie,
    eu adorei este livro, mas com tudo que você citou e ser previsivel, achei muito fofo.

    bjos
    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  9. Muito diferente de qualquer coisa que eu imaginava. ADOREI!!

    Pera aí, vai pra lista já!!!!

    Bjkssssss

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi, Rafaela! Tudo bem? Adorei a resenha! A premissa do livro é ótima e mesmo eu não sendo o maior fã de chick-lits, fiquei com vontade de ler "Um Amor de Cinema"! Parabéns pela resenha! :)

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/2015/10/resenha-premiada-muito-mais-que-5inco.html <- Tá rolando promoção do livro "Muito Mais Que 5inco Minutos" lá no blog! ;)

    ResponderExcluir
  11. Oie Rafa =)

    Só leio resenhas fofas desse livro e minha vontade de ler ele só aumenta *---* A história parece ser uma graça.

    Adorei a resenha!

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  12. Não conhecia o livro, gostei muito da sua resenha, bem completa e me deixou bem curiosa pela leitura. Parece ser um livro bem divertido e bem escrito, gosto de quando trabalharam o livro todo, adorei a ideia dos capítulos!

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  13. Rafa!
    Já tinha lido algumas resenhas sobre o livro e como gosto de cinema, independente de qualquer outra coisa, gostaria sim de ler o livro.
    E se me fizer rir, ainda melhor.
    “Jamais se desespere em meio as sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda.”(Provérbio Chinês)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  14. Não conhecia esse livro e nem li nada da autora ainda, mas fiquei bem curiosa, parece um livro bem gostosinho de ler e se envolver, e se arranca suspiros, melhor ainda.
    é impressão minha ou esse noivo vai dançar?
    Só assisti Dirty dancing: ritmo quente e uma linda mulher, amo amo os dois!

    ResponderExcluir
  15. AAh, Rafinha, não gostei de nenhum personagem kkkk eu achei o livro paradão, mas tenho vontade de continuar, parei de lê-lo quase na metade.
    Pela sua resenha, consegui ver uns pontos positivos que não havia visto até então! \o/
    bjooos

    ResponderExcluir
  16. kkkkk Nossa, so agora descobrir como conseguir comentar kkk.
    Rafa, eu já havia visto um post sobre ele mas não resenha; a sua foi a primeira lida e confesso que gostei.
    Me parece ser bem mais que uma historia de amor, mas com descobertas e redescobertas.

    Bjsss

    ResponderExcluir
  17. Achei que esse livro era uma coisa e vi que era outra. Acabei não lendo por pensar que não iria gostar. Mas apesar dos clichês, se for bem escrito deve ser bom de ler. O que mais achei interessante é a parte do cinema, de citar filmes clássicos e tal. Os da lista tem tantos que eu queria ver e nunca consigo! Mas não sei se leria =/

    ResponderExcluir
  18. Oi, Rafa!
    Nossa, sabe aquele momento que você lê uma resenha com brilho nos olhos e sorriso bobo na boca? Sério, eu estou assim! Fiquei empolgadíssima com esse livro! Eu sou uma romântica fanática e essa história é bem diferente de tudo que já li. Parece ser tão, mais tão divertido que o leitor ri e chora com as cenas fofas ao mesmo tempo! Se eu ler esse livro, melhor, se não, QUANDO eu ler esse livro, tenho plena certeza de que ele se tornará o meu favorito!
    ~in love! *-*
    Beijinhos <3

    ResponderExcluir
  19. Oi c:
    Já vi muita gente falar muito bem desse livro, com sua resenha só me deu mais vontade ainda de ler! E essa capa? Dá vontade de ter só pra enfeitar a estante haha

    ResponderExcluir

Hey you,
gostou do que leu, encontrou algum erro ou quer acrescentar algo?
Não deixe de comentar! =)
Sua opinião é muito importante para o blog.
Beijocas.

© 2012 - Todos os Direitos Reservados
Design por: Gabrielle Alves | Para uso exclusivo do blog Artesã Literária